Domingo, 29 de Abril de 2007

Coelho de Sousa: As nossas mãos... e as d'Ele...(IX)



As nossas mãos e as dEle.







Minhalma, escuta
ainda
Uma história
mais linda,
As mãos dEle...





Deitadinho sobre as palhas,
Tem o milagre nas mãos,

Mãos de menino que é Deus.

Criaram anjos e céus,
Os animais e as flores,
O mar, o vento e fulgores
Que o Sol expande brilhante...

As mãos de Jesus Infante!...





Esse madeiro pesado
Feito agora nem arado

Que vai a gleba rasgar...
Fê-lo um jovem singular
Que sabe mais que os doutores
Que David, rei dos poetas
E que todos os profetas...

As suas mãos de milagre.

Os cegos querem-no ver...
As suas mãos lhe tocaram
E rasgou-se o seu olhar!


Tags:
publicado por DSousa às 02:18
linque da entrada | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 27 de Abril de 2007

Coelho de Sousa: As nossas mãos... e as d'Ele...(VIII)


As nossas mãos





São os escritos das mãos,
que fazem livros
e arquivos!

E são as pedras que as mãos
acarretaram nos  séculos
que fizeram cidades
e comodidades
da civilização...


Mão estendida na esmola
Para dar e receber...

Mãos trabalhosas na vida
para a vida não morrer!


A vida é para ti...




Minh'alma tinha razão
de te pedir o silêncio
para ouvires o que a mão
do homem pode fazer...

Quem dera
que não fizera
a mão do homem o mal...

Mas escuta... o que já sabes

A  história
anda tão cheia
como as praias
são de areia
de tanto mal
e vileza...



Tags:
publicado por DSousa às 02:16
linque da entrada | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 25 de Abril de 2007

Coelho de Sousa: As nossas mãos... e as d'Ele...(VII)



 As nossas mãos







Dizem adeus ao partir;
Ao voltar elas abraçam...

 

Fazem cadeias de amor
No amor com que se enlaçam
Serei tua, meu senhor,
Serei teu eternamente!

 

 

 



E os arcos das ogivas
Guindados para as alturas
Tiraram linhas de graça
Nas linhas das nossas mãos
Quando postas a rezar...

 

 


 

Grão de trigo loiro e lindo,
Quem te trouxe ao meu celeiro?


Foi a mão de quem primeiro

o lançou à terra fértil?
E, depois, o lindo grão
é moído e já é pão,
por milagre desta mão
Em que os dedos são os raios
de um sol de amor a brilhar!

 

 

 


Tags:
publicado por DSousa às 00:00
linque da entrada | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 23 de Abril de 2007

Coelho de Sousa: As nossas mãos... e as d'Ele...(VI)

 

As nossas mãos

 


 

 

 

É que adivinho a hora
em que esta filha
Verá que a mãe
Já não tem
as mãos do abraço
que ela sonhou!

 

 

 

 

 

 

 As nossas mãos!


Até mais que os nossos lábios
elas têm eloquência...


Vai por elas o aplauso...
Batem palmas num sorriso!


E se o castigo é preciso
as nossas mãos ameaçam...

 

 

 

 

 

Tags:
publicado por DSousa às 00:02
linque da entrada | comentar | favorito
|
Sábado, 21 de Abril de 2007

Coelho de Sousa: As nossas mãos... e as d'Ele...(V)

As nossas mãos

 

 

 

 

 

Andas sumido, esquelético
Mas que mal te sucedeu,
Menino?


Tinha guardada no bolso
a sombra densa das mãos
Que perdeu
logo ao romper da aurora
quando nasceu...


E agora
O seu destino
É comer
pelas mãos que não são suas!...

 

 

 

 

 


Mas porque choras, senhora,
se a criança é tão bonita...
É um retrato da mãe...
Que dita,
Nem é menino ou menina...
É um anjo!...


Mas por que chora
senhora?

 


Tags:
publicado por DSousa às 00:00
linque da entrada | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 19 de Abril de 2007

Coelho de Sousa: As nossas mãos... e as d'Ele...(IV)

 

As nossas mãos




Enferrujada,
Esquecida,
Já não diz nada,
Já não tem vida
aquela enxada...
abandonada!...



Porquê?
ouve minhalma
este lamento
que nem o tempo
e o dinheiro
hão-de calar:


Senhor ! Senhor!
E já não pode cavar
com meu amor
as minhas mãos...
as minhas mãos...que não tenho
Que horrível tormento...
O meu lamento...
É não ter mãos

 

Tags:
publicado por DSousa às 00:00
linque da entrada | comentar | favorito
|
Terça-feira, 17 de Abril de 2007

Coelho de Sousa: As nossas mãos... e as d'Ele...(III)

As nossas mãos











Por favor não digas nada...
Minhalma escuta calada
Serei só eu a falar...



Mas...eu sem ti,
Se tu és eu!...

Pois bem, aqui,
Nem tu nem eu

Os dois
E depois
Ele e só Ele!








Um homem não tinha mãos,
E chorava tristemente...
Foi na guerra, foi na guerra
Que eu perdi as minhas mãos...

Isso de mãos era o menos...
O pior é que a bandeira,
A minha estrela,
O meu norte,
Por não ter mãos a prendê-la
ma levaram...

e rasgaram...


Deus, oh Deus,
Antes a morte...


Tags:
publicado por DSousa às 00:00
linque da entrada | comentar | favorito
|

.

.

.Pesquisar neste blogue

 

.Novembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30

.Últimas Entradas

. Seis horas antes

. SOBRE A BREVIDADE DA VID...

. Horas antes

. Da cor do gira-sol

. ...

. Logo

. Como a luz...

. Alamo Oliveira: Coelho de...

. O testemunho de Álamo Oli...

. Sacerdote

.Arquivos

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Junho 2014

. Fevereiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

.Tags

. todas as tags

.99counter

<
Add to Technorati Favorites
blogs SAPO

.subscrever feeds