Domingo, 29 de Junho de 2008

Coelho de Sousa: Salmo do século XX (III)


 

 

Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/
 

 


 

 


 

 

Luz do meio dia, verdadeira ou falsa,
Luar das noites belas de Outono velho

Frio do inverno junto do braseiro
Saúde e enfermidades, cemitério e lutos
- Morte e Vida -

 Bendizei ao Senhor!

 

 

Fantasia de que vivem os meus versos,
Tinta de escrever os meus pobres versos,
Branco papel onde caem os meus tristes versos,
Esquecimento onde morrem os meus versos
- Sem vida -

Bendizei ao Senhor!

 

 

Salamanca 17-XI-952

 


 

Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/

 

 


 

 

Tags:
publicado por DSousa às 00:06
linque da entrada | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 27 de Junho de 2008

Coelho de Sousa: Salmo do século XX (II)


 

 

Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/
 

 


 

 

 

 

 

 

 

Doces da montra que o menino come por fora do vidro...
Frutos da terra esquecidos no mercado,
Flores que murcharam nos jardins e prados, estufas e altares,
Peixes do oceano largo e rios claros
 - Pão e vinho da vida -

Bendizei ao Senhor!

 

 

Céguinhos de pedir esmola e cegos que  a não  pedem,

Lavradores da inteligência e dos campos verdes,
Poetas enamorados e namorados poetas,
Homens de Deus, mulheres e crianças,
Jovens de bigodinho e de olhos de sonho,
Meninas com vestidos de nylon e baton nos lábios,
- Vós que tendes ou não tendes vida -

 

Bendizei ao Senhor!

 

Tags:
publicado por DSousa às 00:51
linque da entrada | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 25 de Junho de 2008

Coelho de Sousa: Salmo do século XX (I)


 

 

Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/
 

 


 

 

 

 

 

Caminhos de asfalto, caminhos de ferro,
Veredas do monte e calçadas da rua,

Aldeias pequeninas e cidades sem fim,
Linhas do mar e rumo dos aviões
 -Atalhos da vida -
Bendizei ao Senhor!

 

 

 

 

Estádios para o desporto e retiros da oração
Cafés da boa moda e sumiço dos  dinheiros
Casas de cinema e teatros de comédia
As notas de Mozart e sonidos de jazz-band
- Vida da vida... e perda da vida -
Bendizei  ao Senhor!

 

 

 


 

Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/

 



 

 

 

 

Tags:
publicado por DSousa às 00:34
linque da entrada | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 23 de Junho de 2008

Coelho de Sousa: A luz


 

 

Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/
 

 


 

 

 

 


 

 

 

 

 

A Luz

Tenho dentro de mim uma luz
Que se apagará se eu quiser.

Mas eu não quero.
Eu não devo querer...

Nunca se apagará!

Eu tenho dentro de mim uma luz...
Eu sou dela...

Ela é minha...

A luz!

Jesus.

Eu tenho dentro de mim a luz!

 

 

Salamanca 14-XI-952

 

 


Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/

 

 


 

Tags:
publicado por DSousa às 00:07
linque da entrada | comentar | favorito
|
Sábado, 21 de Junho de 2008

Coelho de Sousa: Depois da comunhão (II)

 

 

 

 

 


Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/

 

 


 

 

 

 


 

 

 

 

 

Depois da Comunhão (II)

 

 

Ainda sou pastor de ovelhas desgarradas;

Mestre que às multidões famintas, desvairadas,

Disse a verdade e deu da eterna luz o bem.

Homem que a vida levas sem pensar em mim,
Estou aqui...e espero. Do banquete ao fim
Terás da vida a Vida e nela ... a tua glória

 

 

******    ********    ********     ************* 

 

Jesus falou. Minha alma em Páscoa reflorida
Nesta manhã de inverno frio, é toda Vida...
Seiva de Deus! O sangue do Senhor no meu!
 

Jamais me calarei. Arauto do altar

(Possuo em mim a força de Jesus-manjar)
Irei gritando aos homens:"Está aqui. E espera-nos!

 

Salamanca 12-XI-952

 


 

Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/

 



 

Tags:
publicado por DSousa às 00:05
linque da entrada | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 19 de Junho de 2008

Coelho de Sousa: Depois da comunhão (I)

 

 


 

Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/

 

 


 

 

 


 <

 

 

 

Depois da comunhão

 

 

Eu tenho dentro da alma a Páscoa reflorida.
Nesta manhã de inverno frio. Eu sinto a vida
Em toques de festim...Banquete da Alegria...

De monte em vale gritando aos homens me apetece
Na humilde voz de quem a Deus reza uma prece:
Alleluia! Alleluia! Alleluia! Alleluia!

 

Cristo voltou de novo...Agora está comigo.
E anseia estar convosco! Oh! gentes, o Amigo.
O Irmão, o Salvador, Jesus, está aqui.

Chegou de caminhadas longas...vem cansado.
E traz de novo o sangue a refluir do lado...
Mistério de amor! Sou todo para ti

 

 

Homem que a vida levas sem pensar em mim.
Eu te convido às bodas...Vem para o festim...
Jamais te deixarei morrer de fome...Vem.

Tags:
publicado por DSousa às 00:35
linque da entrada | comentar | favorito
|
Terça-feira, 17 de Junho de 2008

Coelho de Sousa: Devaneio (III)


 

 

Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/
 

 


 

 

 

 

 

 

 

No alto duma cúpula erguida
Na trama de arcos góticos, esguios,
Está, braços abertos, uma cruz...

 

 

No chão do claustro, a sombra dela estendida,

É cruz maior que a cruz da minha vida!

 

 

Ajoelho e beijo a terra da cruz sombreada,

(No claustro da saudade,
É cruz a saudade...)

E ouço alguém dizer muito baixinho:
(É a saudade...)

"Ávante! Ávante!
Assim de rastos
É esse o teu caminho"

 

 

No claustro da saudade ainda estou sonhando ainda

 

 

Sonha minh'alma
Que o sonho é vida...
A noite é calma.
Sonhar convida!

 

 

Salamanca   31-10-952

 

 

 


 

 Atenção: Mais duas novas páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/

 

 


 

 

 

publicado por DSousa às 12:52
linque da entrada | comentar | favorito
|

.

.

.Pesquisar neste blogue

 

.Novembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30

.Últimas Entradas

. Seis horas antes

. SOBRE A BREVIDADE DA VID...

. Horas antes

. Da cor do gira-sol

. ...

. Logo

. Como a luz...

. Alamo Oliveira: Coelho de...

. O testemunho de Álamo Oli...

. Sacerdote

.Arquivos

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Junho 2014

. Fevereiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

.Tags

. todas as tags

.99counter

<
Add to Technorati Favorites
blogs SAPO

.subscrever feeds