Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

ÁLAMO ESGUIO

Tributo à memória e à obra religiosa, artística e cultural do P.e Manuel Coelho de Sousa (1924-1995), figura cimeira da Igreja e cultura açoriana do século XX, como padre, jornalista, poeta, professor, orador, escritor,dramaturgo e animador cultural

ÁLAMO ESGUIO

Tributo à memória e à obra religiosa, artística e cultural do P.e Manuel Coelho de Sousa (1924-1995), figura cimeira da Igreja e cultura açoriana do século XX, como padre, jornalista, poeta, professor, orador, escritor,dramaturgo e animador cultural

Coelho de Sousa: Natal - A noite e o dia (VII)

DSousa, 13.01.08



(VII)




Menino, ser postado em teu joelho.
Sentir afago terno em tua mão,
Rever-me nos teus olhos como espelho
E ter unido ao teu, meu coração.

Dizer: longe de Ti é nunca e não,
Quanto mais perto for, mais me assemelho.
Tais sonhos, infinitos sei que são
Mas revelá-los era o teu conselho.


Nem sei que força anda pelo espaço
Que até me sinto já no teu abraço,
Envolto numa luz pura de aurora.

E em teu joelho forte e teu regaço
mesmo, posto e acolhido eu já me faço.
Desabafei e sou feliz agora.



Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.