Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

ÁLAMO ESGUIO

Tributo à memória e à obra religiosa, artística e cultural do P.e Manuel Coelho de Sousa (1924-1995), figura cimeira da Igreja e cultura açoriana do século XX, como padre, jornalista, poeta, professor, orador, escritor,dramaturgo e animador cultural

ÁLAMO ESGUIO

Tributo à memória e à obra religiosa, artística e cultural do P.e Manuel Coelho de Sousa (1924-1995), figura cimeira da Igreja e cultura açoriana do século XX, como padre, jornalista, poeta, professor, orador, escritor,dramaturgo e animador cultural

Coelho de Sousa: Descoberta

DSousa, 13.02.09

 

 


Atenção: Mais páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/

 


 

 


 






 

 


 

 

Pára e não fales... Assim

Eu te adivinho qual tu és

Olhos fundos... mar sem fim
Neste vaivem das marés

 

 

 

Peixe dentro; safra rica
No batel assegurado...
O mastro alto é magnífico
Podes bem cantar o fado...

 

 

 

 

Qure os teus dedos serão pauta
Na folha branca do espaço
O mar é ceu para o nauta
Que faz das redes abraço...

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.