Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

ÁLAMO ESGUIO

Tributo à memória e à obra religiosa, artística e cultural do P.e Manuel Coelho de Sousa (1924-1995), figura cimeira da Igreja e cultura açoriana do século XX, como padre, jornalista, poeta, professor, orador, escritor,dramaturgo e animador cultural

ÁLAMO ESGUIO

Tributo à memória e à obra religiosa, artística e cultural do P.e Manuel Coelho de Sousa (1924-1995), figura cimeira da Igreja e cultura açoriana do século XX, como padre, jornalista, poeta, professor, orador, escritor,dramaturgo e animador cultural

Coelho de Sousa: Delírio

DSousa, 27.02.09

 

 


Atenção: Mais páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/

 


 

 


 









 

 

Cai a tarde mansamente
nesta solidão deserta
E dentro em mim, de repente,
Outra saudade desperta
 

 

 

Como tantas é mais uma
esta saudade que vem
Chega de parte nenhuma
Nem a sinto por ninguém.

 

 

 

 

Por ninguém ? Que tal mentira!

Se eu a sinto bem por ti
Esta saudade delira
Quando não estás aqui!