Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

ÁLAMO ESGUIO

Tributo à memória e à obra religiosa, artística e cultural do P.e Manuel Coelho de Sousa (1924-1995), figura cimeira da Igreja e cultura açoriana do século XX, como padre, jornalista, poeta, professor, orador, escritor,dramaturgo e animador cultural

ÁLAMO ESGUIO

Tributo à memória e à obra religiosa, artística e cultural do P.e Manuel Coelho de Sousa (1924-1995), figura cimeira da Igreja e cultura açoriana do século XX, como padre, jornalista, poeta, professor, orador, escritor,dramaturgo e animador cultural

...

DSousa, 18.12.12

 

 


Atenção: Mais páginas de poesia no
padrecoelho.googlepages.com/

 


 

 

 

 

 

                                         EMIGRANTE

 

 

Cansei da terra que piso,

Na onda larga me embarco...

Oxalá que o paraíso

Eu não troque pelo charco.

 

Tenho medo que o futuro

me atriçoe o meu desejo,

Pois é fundo e mal seguro

Este mar em que me vejo.

 

Mas é pequeno e mesquinho

O torrão que me limita

Quero ir fazer meu ninho

emterra nova, esquisita...

 

Deixo tudo:enxada, arado.

Irei pobre e sem vaidade!

Deixo a viola e o fado

Levo só a saudade...

 

E não chorem porque parto

Feito ao mar nem peregrino...

De ser aqui estou farto.

Vou-me embora ao meu destino.

 

S. Sebastião, 3-IV-966