Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

ÁLAMO ESGUIO

Tributo à memória e à obra religiosa, artística e cultural do P.e Manuel Coelho de Sousa (1924-1995), figura cimeira da Igreja e cultura açoriana do século XX, como padre, jornalista, poeta, professor, orador, escritor,dramaturgo e animador cultural

ÁLAMO ESGUIO

Tributo à memória e à obra religiosa, artística e cultural do P.e Manuel Coelho de Sousa (1924-1995), figura cimeira da Igreja e cultura açoriana do século XX, como padre, jornalista, poeta, professor, orador, escritor,dramaturgo e animador cultural

Migalhas: A última "migalha" deste ano

DSousa, 31.12.05


Ingres  Édipo e a Esfinge


Último dia do Ano.


E a última migalha deste banquete de graça.


Foi o Verbo repartido aos pequeninos.


E todos nós pudemos saciar-nos da sua plenitude graciosa.







Foram 365 bocadinhos do pão da Verdade e da Vida.








  • Uns mais saborosos que outros.
  • Alguns quentinhos com o calor da fornalha ardente que é o coração de Cristo.
  • Outros muito doces como o amor dos nossos pais, Deus e Maria-Mãe, querida.
  • Outros mais ásperos ou picantes como os espinhos da coroa de Cristo ou o fel que lhe démos a beber na Cruz.

  • Mas todas estas Migalhas foram peneiradas e cozidas, para serem servidas em repartição de amor.



    E souberam tão bem, que muitos daqueles, que, ao longo do ano, as foram saboreando, acharam-nas tão gostosas que vieram pedir, de muito longe ou aqui de perto, que as continuasse a repartir.


    É possível até que muita gente que não expressou o seu gosto, esteja esperando que a mesa não se levante.







    É possível.







    Com a ajuda de Deus.


    Tudo é possivel.


    Obrigado pela vossa aceitação.